quarta-feira, 16 de maio de 2018

Memórias Secretas - Mário Cláudio

«O amor-próprio é incontestavelmente o principal motivo que leva alguém a falar, e sobretudo a escrever, sobre a sua pessoa. Não apresentarei por isso qualquer desculpa frouxa, ou qualquer falsa e inadequada justificação, no tocante às razões por que escrevi estas memórias. Assumo em toda a frontalidade que, entre os sentimentos que me induziram a tornar-me biógrafo de mim mesmo, o mais forte terá sido o amor-próprio. 
Em maior ou menor grau, a Natureza implantou tal sentimento no coração de cada um de nós e, ao fazê-lo, foi generosa com os escritores, e em especial com os poetas, ou com aqueles que supõem sê-lo. Este dom precioso constitui o primeiro motor das acções do homem, adicionando ao conhecimento das potencialidades deste o iluminante entusiasmo pelo belo, e pelo sublime, o que afinal conforma uma única e idêntica realidade.»
Vittorio Affieri, Memórias

 Mário Cláudio


Sem comentários:

Enviar um comentário

SUGESTÃO

Inferno de Dan Brown

Um Mar Sem Estrelas - Erin Morgenstern

Muito abaixo da superfície da Terra, na margem do Mar Sem Estrelas, existem inúmeros túneis e recintos cheios de histórias. As entradas que...