sexta-feira, 1 de fevereiro de 2019

Páginas Esquecidas - Agostinho da Silva


«Procurando fornecer ao maior número possível de pessoas os conhecimentos bastantes, "uma informação quanto possível certa e objetiva sobre o que no mundo significa progresso", publicou Agostinho entre 1938 e 1947, em 125 cadernos, num total de cerca de três mil páginas, uma síntese do saber humano. Nascidos sob o desígnio de abranger o maior número possível de áreas do saber, estabelecendo, de forma sólida, os alicerces de uma cultura geral, os Cadernos de Agostinho contribuíram em grande escala para a formação integral dos jovens e adultos de todas as classes sociais, em suma, da massa geral da nação.» 
(Do Prefácio de Helena Briosa e Mota)

 Agostinho da Silva


Sem comentários:

Enviar um comentário

SUGESTÃO

Inferno de Dan Brown

Um Mar Sem Estrelas - Erin Morgenstern

Muito abaixo da superfície da Terra, na margem do Mar Sem Estrelas, existem inúmeros túneis e recintos cheios de histórias. As entradas que...