terça-feira, 10 de setembro de 2019

A Conspiração Oligárquica - Rui Ramos

O historiador Rui Ramos explora neste livro a tese de que a democracia portuguesa gerou “uma classe dirigente especializada”, a que chama “oligarquia”, que no decorrer da sua evolução foi dominando a economia e o espaço público através do Estado. É desta forma que surge a chamada “conspiração oligárquica”, em larga medida protagonizada pelo Partido Socialista, por ser o partido que controla o Estado desde meados da década de 90. A partir de uma base de recrutamento restrita (“uns quantos amigos e umas quantas famílias”), formou-se um poder ideologicamente indefinido mas muito forte, que hoje domina o país.

A Conspiração Oligárquica reúne num só volume meia centena de artigos que Rui Ramos – um dos melhores e mais sólidos colunistas nacionais – publicou ao longo dos últimos anos no Observador, desde o fim do governo de Passos Coelho até praticamente ao fim do governo de António Costa, oferecendo um conjunto de chaves únicas para a compreensão de Portugal.

Existe uma perspectiva sinistra: é que o país passe a desprezar esta oligarquia e estas instituições, mas sem ter alternativa para as substituir, porque nunca serão alternativa meia dúzia de populistas de televisão e uns quantos saudosos do Gulag e do muro de Berlim. Continuaríamos, assim, a escolher governantes no menu actual, mas cada vez mais compenetrados de que iríamos ser sempre mal servidos. Neste caso, não é apenas o regime que está em risco. É o país, destinado ao que só pode ser um arrastado exercício de cinismo e decadência.
Em "Introdução"

 Rui Ramos


Sem comentários:

Enviar um comentário

SUGESTÃO

Inferno de Dan Brown

Estamos Grávidos! E Agora? - Carmen Ferreira

A gravidez, o parto e os meses que se seguem são momentos intensos, repletos de mudanças que se sucedem a um ritmo alucinante. As dúvidas i...